Be fashion in África: African Roots

Oi gente, hoje vamos começar uma nova série carregada denominada BE FASHION IN ÁFRICA.  Pessoal vamos conhecer África de uma maneira fashion? Vamos provar que em África também podemos carregar tanto quanto na Europa. Somos o que vestimos e podemos vestir, sentir, conviver  com a moda em África sem perdemos as nossas raízes. Somos Africanos e amamos África. Seja Fashion em África: BE FASHION IN ÁFRICA.

Dito isso, vamos carregar …

Eu convido – vos a embarcarem comigo nessa aventura africana e super carregada. As fotos da série são de autoria do fotógrafo do Botswana Jordan Indigo.

DSC_0085

Antes de mais nada não custa dizer:

Lenço samakaka: Zunga

Óculos: The Fix

Brincos  de Veludo: MR Price

T – shirt com gráficos: The Fix 

Calça Olímpica : The Fix

Sandálias : The Fix

DSC_0082

Nunca me sentiria tão africana se não tivesse conhecido o Botswana. A minha estadia no Botswana me fez valorizar mais as minhas raízes africanas e querer me focar nelas acima de qualquer outra influência cultural que possa existir na minha vida.

DSC_0084

Comecei a achar que vivi a minha vida muito voltada para América e Europa quando temos tudo para carregar em África também. Eu sempre ouvi pessoas a falaram que na Namíbia não tem muitas lojas fixes mas tem a Mr Price e eu como nunca havia lá ido conotava na minha mente uma imagem negativa (tipo se for para viajar vou para outro lugar mais criativo. Vou contar – vos uma meta minha que um dia se Deus me der vida espero alcançar: Abrir uma fast fashion tipo Zara, H&M,etc.

DSC_0095

Há 7 meses atrás mais ou menos tive meu primeiro contacto com as tais lojas que existem na Namíbia e que para minha sorte também tem no Botswana. Vou vos confessar amei todas. Umas mais caras que as outras mas todas elas com muitas qualidades e para todos gostos e todas elas made in África do Sul. E fiquei feliz porque as mesmas têm bagagem suficiente para competirem com outras lojas a nível internacional.

DSC_0094

Fora isso, no aspecto estético, comecei a gostar ainda mais de usar meu cabelo natural ou trançado. As tranças ficam tão bem, são uma incorporação da nossa cultura mais são também a exteriorização da mesma e assim muito amor envolvido. O cabelo sem alisamento também é bonito e transparece a beleza da mulher como mulher e como africana . Eu fiquei admirada com a transparência, qualidade e simplicidade que podem ser transmitidas valorizando  as nossas culturas.

DSC_0088

A nossa linguagem, a nossa fauna, a nossa flora, viajamos para fazer turismo em outros continentes( nao querendo julgar tais praticas) mas temos tanto para explorar dentro de África…

Quando nos conhecemos a nos mesmos fica muito mais fácil para conhecermos os outros.

DSC_0101

Be fashion in África

Carrega gente … não custa nada

Xoxo

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s