Papo Carregado com a Blogueira Angolana Cinosanda Sandele (AngoDiva)

Oi gente, hoje vamos conhecer um pouco de uma blogueira angolana que vive na Holanda. Já não é novidade aqui no blog que de tempos em tempos eu gosto de fazer  uma parceria carregada com blogueiras internacionais e nacionais que vejo trabalho delas, gosto e admiro. A parceria consiste em uma entrevista mutua e o resultado da mesma é postado em simultâneo. Por isso, convido – vos quando acabarem de ler esse papo a irem ao blog http://www.angodiva.com para poderem ler a minha entrevista.

Dito isso, vamos carregar…

Sabem aquela pessoa que você não conhece mas se identifica muito contigo, essa é a nossa convidada do papo de hoje, com um bom gosto transmissível. A semelhança das nossas realidades ainda muito distantes é visível e nos divertimos muito nas nossas conversas durante o período da parceria. Por essa e tantas outras razões convidei a nossa querida AngoDiva e espero que vocês gostem do papo … Bora ler …

CBA: Para que as pessoas conheçam um pouco de si, descreva – se resumidamente, quem é a Cinosanda afinal de contas?

AD: Sou angolana, mãe de três filhinhos (8, 4 e 2 anos) licenciada em economia e dona do Blog AngoDiva.

17409693_1371187159615298_1083301277_n

CBA: Como surgiu a ideia de criar um blog de moda?

AD: A ideia surgiu já a muito tempo. Acredito que foi em 2012. Mas na altura tinha outras prioridades e não me sobrava o tempo que a gerência de um blog exige. O ano passado felizmente isso mudou e tive o prazer de lançar o meu blog em Outubro.

CBA: Porquê moda e não outra coisa?

AD: Porque percebi desde muito cedo que a moda/estilo não era apenas uma questão de vaidade ou necessidade. É para mim uma forma de se expressar, criar personagens, manipular emoções e pensamentos. E como tenho a mania de associar diferentes aspectos da vida a moda/estilo o blog deu-me a oportunidade de partilhar isso com o mundo.

CBA: De onde surgiu a ideia do nome ANGODIVA?

AD: Eu queria um nome que me identificasse como Angolana. Quando se vive no estrangeiro esta necessidade passa a ser primária (risos). Usei o Ango por ser a abreviatura de Angola e adicionei o Diva por ter um carácter mais internacional. Em outras palavras AngoDiva = Diva angolana.

17410279_1371187696281911_1910907551_n

CBA: Há quanto tempo tem o blog ?

AD: O meu blog é ainda um bebe. Foi lançado em Outubro do ano passado.

CBA: Como é a vida de blogueira na Holanda?

AD: Acho que a vida de cada blogueira cá depende da popularidade da mesma. E acredito que seja assim em qualquer parte do mundo. A minha vida não mudou nada. Continua igualzita a quando não era blogueira.

CBA: Como você definiria a industria da moda na Holanda?

AD: Apesar de ter um contexto comercial e internacional, a industria da moda na Holanda é até certo ponto única. Investe-se muito na criatividade e na singularidade dos designs. As marcas nacionais como a GSTAR, Van Gils, Scotch & Soda ou a Den Ham são muito únicas, com características próprias e pouco sensíveis a tendências. Estas marcas adaptam-se muito pouco ao que está na moda e nem por isso deixam de ser lucrativas.

17393106_1371186539615360_1315742592_n

CBA: Fez alguma formação para trabalhar nesse ramo? Se sim, poderia dizer nos onde?

AD: Nenhuma em particular. Sou economista. Tudo que faço com a moda é nato e o tenho desenvolvido com dedicação e trabalho.

CBA: Tem sido fácil a sua trajectória como fashion blogger?

AD: Acredito que nada é fácil na vida. Tudo depende do quão queremos alguma coisa. Quando queremos de verdade fizemos o necessário até se tornar fácil.

17392142_1371187339615280_1657620246_n

CBA: Quais são as vantagens e desvantagens de ter um blog de moda?

AD: Vantagens: poder dar asas a nossa criatividade, sermos nós mesmas e inspirarmos um grande numero de pessoas positivamente.Desvantagens: sinceramente não vejo nenhuma.

CBA: Quais são as suas inspirações internacionais e angolanas?

AD: Admiro várias blogueiras internacionais, a Kyrzayda Rodriguez, a Shirley Beniang, a Camila Coelho, Patrícia Bright etc. mas identifico-me mais com as blogueiras angolanas. No entanto como blogueira inspiro-me muito pouco em outras blogueiras. Na verdade, antes de lançar o meu blog não lia nenhum outro blogue. Isso porque não queria ser inconscientemente influenciada por outros blogueiros. Queria me certificar de que estava a seguir uma linha própria. Mas há duas blogueiras angolanas que tenho como referência. A Soraya de Carvalho do blog Style is my thing e a Wilma Moisés também conhecida como Sambapita. Admiro muito e adoro a autenticidade delas.

CBA: Tem algum sonho com relação a moda, que gostaria muito de realiza – lo?

AD: Tenho sim, mas ainda é muito cedo para o partilhar. Sorry (Desculpa).

CBA: Normalmente as pessoas tendem a desistir muito fácil, qual é o seu segredo para manter o foco?

AD: Eu tenho um um “why” muito sólido e amo o que faço. Quanto ao resto é uma questão de planear e priorizar o que realmente tem prioridade.

CBA: O que é que não pode faltar na sua bolsa? E no seu closet?

AD: T-shirts, blazers e gabardines.

CBA: Algum conselho para as pessoas que vão ler esse papo?

AD: Nunca desistam dos vossos sonhos e incentivem todos ao vosso redor a lutar pelos seus também. Nada é impossível.

CBA: Então alguma sugestão ou alguma recomendação para o Carrega by Ac?

AD: Continue com o teu trabalho maravilhoso e esta pessoa super simpática.

Eu (Acelga Esteves) também amei bater um papo consigo e acredito que as pessoas vão gostar da entrevista, desejo que todos seus objectivos sejam concretizados, você merece.

Mais uma vez obrigado 😀

 

Rapidinha Carregada

17392819_1371187229615291_1895518366_n
Nome: Cinosanda.
Idade: Acima dos 30 .
Profissão: Economista.
Signo: Sagitário.
Cidade Preferida: Huambo.
Comida preferida: Não tenho.
Bebida: Água.
Defeitos: Entusiasmo-me demais.
Qualidades: Persistência. Desistir não faz parte do meu vocabulário.
Momento de Maior Alegria: Nascimento dos meus filhos.
Livro Preferido : it’s not over untill you win by Les Brown.
Estações frias ou quentes: Quentes.
Peça de roupa preferida: Tenho várias.
Estilo: sem definição. Gosto da liberdade de poder experimentar todos.
Marcas: Nenhuma em particular. Tudo depende dos meus gostos e do meu bolso.
Cor preferida: Não tenho.
Raso ou salto: Salto claro.
Acessórios preferidos: Relógio.
O que não pode faltar no seu closet: T-shirts, blazers, Jeans e gabardines.
Maior Realização: Meus filhos, minha licenciatura.
Pessoa que mais admira: Minha mãe.
Deus: Acima de tudo.
Religão: O meu pai não era muito religioso e por isso, fui criada com liberdade de escolha. Depois de ter frequentado algumas descobri que religião certa para mim é toda que proclama o amor, paz, harmonia e justiça. Se vou a uma igreja e começam logo a falar de inveja, ódio, diabo, etc… dou meia volta e nunca mais ponho lá os pés. Quando eu saio da igreja quero sentir o amor, a justiça, a harmonia, a paz e o valor do perdão. E quando se prega tanta negatividade tem-se um efeito contrário. Lição mais importante que a vida ensinou: Responsabilizar-se pelas nossas escolhas é ter o poder se consertar tudo o que como consequência das mesmas corre mal.
O que mais gosta e o que mais detesta: Sou muito optimista e adoro estar rodeada de pessoas que genuinamente acreditam nos seus sonhos e os sonhos das pessoas que os rodeia. E detesto o pessimismo, detesto estar rodeada de pessoas que só partem do princípio que tudo é impossível e é mau, nada dará certo etc…
Barulho ou silencio: Silencio.
Restaurante e Bar: Restaurante.
Moda ou Make Up: Moda .
Um beijo super carregado para vocês 😀

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s