Papo Carregado com a Estilista angolana Rose Palhares

Oi gente, hoje vamos conhecer um pouco mais de um dos melhores nomes da moda angolana actualmente, digo um dos melhores não para vos ludibriar, mas muito seriamente falando. A nova geração da moda angolana está cada vez mais carregada, o que não falta são pessoas com talento e muita disposição e uma dessas pessoas é a estilista Rose Palhares.

Dito isso, vamos carregar…

Sinceramente, sinto – me feliz por poder bater esse papo porque gosto do trabalho dela, admiro, é dotado de uma qualidade visível e espero que com esse papo vocês possam conhecer um pouco mais daquilo que ela faz e não só.

1965078_10153897202070096_1704351216_n

CBA: O blog está ligado a moda e por essa a razão a _Rose Palhares_ foi escolhida para bater um PAPO CARREGADO connosco. Diga – nos qual é a sua ligação com a moda?
Rose: Sou estilista de formação, a moda para mim é uma paixão desde tenra idade em que sempre gostei de modificar as roupas das bonecas que me eram oferecidas. Mais tarde abri o meu primeiro espaço e passei a substituir as bonecas pelas minhas clientes.

CBA: Para que as pessoas conheçam um pouco de si, descreva – se resumidamente, quem é a Rose Palhares afinal de contas?
Rose: Sou uma mulher que sabe bem o que quer e tento sempre ser pioneira nos meus passos, tanto a nível profissional quanto a pessoal. Tento sempre dar aos que me rodeiam o que eles jamais pensaram em precisar. Estar um passo a frente é o meu objectivo diário, em tudo que faço.

CBA: Qual a sua maior qualidade?
Rose: Honestidade.

CBA: E o seu maior defeito?
Rose: Não sei, talvez a teimosia.

CBA: É boa de garfo? Gosta de cozinhar?
Rose: Gosto de comer uma boa moamba de galinha, o bacalhau com natas da minha mãe, adoro saladas…e apesar de cozinhar com alguma frequência, não gosto, por isso quando estou na cozinha estou sempre a inventar pratos novos.

CBA: O que é que a Rose mais gosta e o que mais detesta?
Rose: Adoro tudo que seja reverente, pessoas, ideias, lugares, adoro que me surpreendam e não gosto de pessoas desleais.

CBA: O que é que a carregada não faria por nada?
Rose: Não daria nada em troca pela fama.

CBA: O que é que mais gostaria de fazer para além do que faz na moda?
Rose: Tudo o que quero fazer é relacionado à moda, mas adoraria fazer parte de organizações em defesa das nossas mulheres.

CBA: Porquê moda e não outra coisa?
Rose: Porque estou a seguir o meu coração.

CBA: Como a Rose descreveria a moda internacional e a angolana atualmente?
Rose: A diferença é enorme. Fazemos moda a olhar para os de fora, não digo só os estilistas mas até os consumidores, muitos procuram o que está nas revistas ou que foi usado nas grandes passarelas, enquanto for assim, a moda angolana ainda terá muito que galgar.

CBA: Cite 3 nomes da moda angolana que admira o trabalho que fazem.
Rose: Projecto Mental por arriscarem em tudo que fazem, Soraya da Piedade pois encanta a cada coleção e Avelino de Nascimento porque conseguem nos mostrar que faz muito com o pouco que o nosso mercado oferece.

10341620_10154247559140096_4366547467001982295_n

CBA: Considera – se uma fashionista?
Rose: Sim, apesar de me identificar com estilos que já não se usam nos dias de hoje.

CBA: Quais são as suas inspirações internacionais e angolanas?
Rose: Elie Saab sem dúvida, quanto aos nacionais, adoro a irreverência dos Projeto Mental, eles surpreendem me sempre e para quem os conhece, são verdadeiros criadores.

CBA: Tem algum sonho com relação a moda, que gostaria muito de realiza – lo?
Rose: Todo o estilista tem, o reconhecimento mundial.

CBA: Normalmente as pessoas tendem a desistir muito fácil, qual é o seu segredo para manter o foco?
Rose: Quem desiste não faz história.

CBA: Como define o seu estilo?
Rose: Os meus vestidos são peças intemporais, não faço roupas para acompanhar a moda, isso é para lojistas, eu crio, adoro o estilo dos anos 40, 50 e 60…é neles que me inspiro e me identifico.

CBA: O que pensa na hora de se vestir?
Rose: “Como eu quero ser vista” conforto acima de tudo, senão não é luxo. Para a maioria luxo é o valor da marca, para mim luxo é o conforto que ela te dá, sem esquecer nunca a parte estética.

CBA: Qual é o seu critério na hora de comprar alguma roupa ou calçado ou acessório ?
Rose: Eu compro quando gosto, tem que me valorizar, tenho que me sentir confortável, bonita e respeitando o meu estilo.

CBA: Defina o seu closet .
Rose: O meu closet é bastante colorido e nunca faltam blazers e vestidos rodados.

CBA: Qual a maior loucura fashion que já fez?
Rose: Viver num país em que a moda é toda de influência estrangeira e ainda assim acreditar nas minhas criações.

CBA: Marcas, o que significam na sua vida?
Rose: O nosso mundo está cada vez mais virado para a imagem, moda é isso, é tudo o que nos rodeia e para mim é o mesmo, uns aderem outros criam as suas marcas.

1965078_10153897202070096_1704351216_n

CBA: Que cores mais gosta de usar?
Rose: Vermelhos, verdes, brancos…

CBA: Prefere estações frias ou quentes? Porquê?
Rose: Estações quentes, adoro calor.

CBA: Qual o seu acessório preferido ?
Rose: Anéis e relógios.

CBA: O que é que não pode faltar na sua bolsa?
Rose: Agenda, canetas e batom. Indispensável falar do telemóvel e da carteira de documentos.

CBA: O que é que não pode faltar no seu closet?
Rose: Blazers, peças lisas e vestidos.

CBA: Qual é o seu sonho de consumo?
Rose: Ser bem sucedida.

CBA: O que acha dos blogs de moda angolanos?
Rose: Não conheço blogs angolanos, os que conhecia já não existem.

CBA: O que mais detesta na moda?
Rose: O copy paste que é feito coleção após coleção.

CBA: O que mais gosta na moda?
Rose: Através dela conhecemos o artista que há em cada, adoro apreciar o que muitos estilistas fazem com uma peça de tecido.

CBA: Quais os seus estilistas favoritos ?
Rose: Elie Saab.

CBA: Qual é a sua marca favorita?
Rose: Rose Palhares.

10262074_10154239112745096_9044633580374877812_n

CBA: Algum conselho para as pessoas que vão ler esse papo?
Rose: Sejam acima de tudo criativos.

CBA: Então alguma sugestão ou alguma recomendação para o Carrega by Ac?
Rose: Parabéns pelo trabalho que têm vindo, sugiro que se foquem apenas no nacional, assim darão incentivo a outras marcas/criadoras de aparecer. Fico a espera de ver looks para tamanhos maiores, e masculinos. Moda para magrinhas é canja 😉

Eu (Acelga Esteves) acredito que as pessoas vão gostar da entrevista eu particularmente gostei e desejo que todos seus objectivos sejam concretizados, você merece. Mais uma vez obrigado #carregada 😀

É nacional, é bom é o Carrega by Ac.

Carrega gente … não custa nada

XOXO

One thought on “Papo Carregado com a Estilista angolana Rose Palhares

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s